#HomofobiaNao: Casal de lésbicas são heroínas na Noruega

Posted on 26/07/2011

0


Não poderia haver maior ironia: um terrorista auto-declarado cristão, homófobo, explode uma bomba e mata 76 jovens num acampamento político.  Duas heroínas foram destacadas pela imprensa: um casal de lésbicas que ajudou a salvar a vida de cerca de quarenta sobreviventes do ataque de Breivik:

Um casal de lésbicas, que vive numa ilha vizinha daquela em que o atirador norueguês Anders Behring Breivik massacrou dúzias de estudantes na sexta-feira, salvou cerca de quarenta pessoas, resgatando-os em seu barco.
Hege Dalen e sua companheira Toril Hanse fizeram quatro viagens e resgataram em seu pequeno barco jovens baleados, sangrando e feridos.
Elas disseram que ouviram tiros e gritos, correram para prestar socorro.
“Dalen e Hanser conduziram seu barco à ilha, e tiraram da água pessoas que estavam em choque e jovens que estavam baleados e os conduziram à terra firme”, diz a mídia local, traduzida por O Fórum do Povo.  “Todos subiram então as balas atingiram o barco.


“Uma vez que elas não conseguiram por todos no barco de uma vez, retornaram à ilha quatro vezes.  Elas podem ter salvado perto de quarenta pessoas das garras do assassino”


Um público estimado em 100 mil pessoas se reuniram ontem em Oslo, capital da Noruega, para relembrar aqueles assassinados, que a polícia local agora confirma que foram 76, revisando a estimativa inicial de 93.


Texto original aqui.
Anúncios
Posted in: Sem categoria